Violência Gratuita

Violência Gratuita dirigido por Michael Haneke é o tipo de filme em que um ator ou atriz acaba se destacando mais que próprio roteiro e/ou direção. Naomi Watts deu um pouco de brilho ao filme que mostrou ter se esforçado pra ser mais que bom e isso garanto que não foi. Se bem que estamos falando de uma refilmagem do original de 1997, que talvez seja superior. Digo talvez porque pra mim o roteiro é uma bobagem de qualquer forma, em minha opinião o filme é nenhum pouco original. As atuações de Michael Pitt e Brady Corbet não me agradaram, o que é ruim já que eles conseguiram os melhores personagens do filme. O que acabou não sendo tão bom devido aos atores que deram vida a esses personagens. O filme é encerrado por um clichê irritante e uma música mais irritante ainda. Tocar no assunto violência não é algo pra qualquer diretor. Stanley Kubrick fez isso melhor que ninguém com seu “Laranja Mecânica”.

Nota: 7

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s